Desenvolva e gerencie uma campanha de marketing efetiva

Por Aline Cabral em 16-02-2016 10:47

Durante muito tempo acreditamos que as ações de marketing eram possíveis apenas para empresas de grande porte que tinham capital para investirem em campanhas de milhares de reais, que despejariam nos maiores canais de televisão, de preferência em horário nobre, seu conteúdo sem qualquer grau de segmentação, visando apenas atrair todos os tipos de clientes. A prática é conhecida no mercado como Outbound Marketing e por anos imperou no setor publicitário.

O que vemos agora é um novo conceito, nomeado Inbound Marketing, que já considerado tendência mundial por apresentar proposta inovadora a seus adeptos. O método consiste em desenvolver estratégias para atrair clientes por meio da internet, o que pode ser uma opção extremamente rentável e proveitosa pensando no baixo custo de realização e no alcance obtido com a propagação do conteúdo nas redes sociais, o que nos possibilita criar uma campanha de marketing efetiva, com resultados comprovados.

Campanha_de_Marketing_Efetiva-2-1.jpg


A integração social, cultural, política e tecnológica resultou numa mudança brutal no estilo de vida, preferências, ideologias e de tantos outros fatores pré-estabelecidos em nossa sociedade. O fato é que, o que as pessoas consumiam como propaganda atrativa até tempos atrás, hoje talvez já não faça tanto sentido assim. Aguçar os sentidos e se manter atento, são palavras de ordem para pensar diferente, criar oportunidades e gerar resultados positivos.

Elaborar campanha de marketing exige conexão com o mundo moderno. Saber explorar as portas que se escancaram a todo tempo, é fundamental.

Numa estratégia efetiva de marketing digital, primeiro de tudo, é necessário que se defina o comprador ideal, logo em seguida, o conteúdo que será disseminado, visando alcançá-lo. No Inbound Marketing, o comprador ideal é o “buyer persona” e é essa persona que será a referência do começo ao fim da campanha.

É a partir dessa figura que poderão ser definidos fatores como o contexto, linguagem que será usada para comunicação da empresa, linguagem de blog posts e redes sociais, keywords que serão utilizadas para filtrar as informações nas ferramentas de busca, escolha de quais redes sociais acontecerá, etc.

O “buyer persona” se assemelha à definição de “público-alvo”, porém, para traçá-la, é preciso saber muito mais que idade, cidade em que reside, renda mensal e hobbies. Informações sobre seus interesses pessoais, objetivos e planos para o futuro, hábitos de compra, histórico da empresa em que atuam, passam a ser primordiais para delinear o perfil de seu potencial cliente.

Após construir esses dois importantes pilares - “buyer persona” e a campanha, começamos então o processo do Inbound Marketing:

  • Atrair tráfego para o site da empresa;
  • Converter visitantes em leads (contatos);
  • Converter leads em vendas (clientes);
  • Encantar o cliente e transformá-lo no grande promotor da sua marca (leia mais aqui).

Para o sucesso da campanha é de extrema importância o planejamento de conteúdo que será totalmente voltado para o grupo que se pretende atrair. Neste momento, entramos na automação de marketing, serviço que pode ser prestado pelas empresas que constataram a complexidade do marketing digital e desenvolveram ferramentas de alta performance para publicação e monitoramento de redes sociais, dashboards, tracking de sites, SEO, entre outras facilidades. Tudo compilado num só lugar.

Quer saber como aumentar vendas em tempo de crise? Faça o download do nosso e-book: 

Como aumentar vendas na crise

Assuntos: Inbound Marketing, fazer mais com menos