Como aumentar vendas em tempos de crise com a Internet das Coisas

Por Marcelo Domingues em 11-02-2016 11:00

Dicas valiosas de como criar oportunidades no Marketing, com o apoio da Tecnologia, para impulsionar os negócios

Uma revolução silenciosa, que chegou para ficar e que, em poucos anos, estará dominando as ações de pessoas, organizações e, porque não dizer, profissionais de Marketing e suas estratégias. Esta é a Internet das Coisas (ou IoT – Internet of Things), que conecta objetos de todos os tipos - como televisores, geladeiras, relógios, tênis, meios de transporte - à Internet, gerando cada vez mais dados e informações em tempo real.

Essa fusão interativa entre os mundos online e off-line certamente causará uma mudança completa na forma como as empresas farão os seus negócios e se relacionarão com seus consumidores, tendo em vista como aumentar vendas em tempos de crise e gerar mais resultados. A comunicação e o Marketing também serão afetados, uma vez que a Tecnologia terá papel fundamental nessa transformação. O objetivo primordial das campanhas digitais será o de oferecer uma experiência totalmente personalizada para cada usuário, baseada nos dados e informações coletados a partir de dispositivos acessados, hábitos, rotinas, estilo de vida e preferências de navegação.

Internet das coisas

De acordo com uma pesquisa da Unidade de Inteligência Economista (EIU), 96% dos tomadores de decisão acreditam que seus negócios estarão utilizando Internet das Coisas de alguma forma em 2016. E 60% de 779 líderes de negócio concordam que organizações que não tomarem passos decisivos em relação à integração da IoT em seus processos serão ultrapassados por seus competidores. Estamos falando aqui de empresas globais, e não locais ou regionais.

As oportunidades no Marketing

A comunicação e as estratégias terão que ser definidas, acima de tudo, em vias de múltiplos sentidos, a fim de se criar novas oportunidades no Marketing, tendo, sobretudo, o apoio da Tecnologia. Se a nova realidade permitirá um conhecimento sem precedente de cada ser humano e, por consequência, de cada comprador, as empresas em suas campanhas digitais precisam saber exatamente os tipos de perfil de cada um deles, e criar canais individuais, a fim de oferecer produtos e serviços adequados e desejados por eles. Não basta saber, é preciso entender quem são as buyer personas e o que elas buscam. Isto pode estar em uma pesquisa do Google, em um post, um comentário, um tweet...

Para quem vou vender meus produtos e serviços? Para a geração X, Y, anos 80? As ofertas que minha empresa apresenta são adequadas a este público? A linguagem que estou usando é a mesma que elas estão acostumadas? Estou direcionando a minha mensagem no canal e na plataforma mais acessada?

Trata-se de uma mudança tão radical que deve ser conduzida pelos profissionais de Marketing e pela forma como eles atuam. Só assim, e com a utilização de novas tecnologias e ferramentas, as organizações de todos os portes - aqui também se incluem as pequenas e médias – conseguirão se manter competitivas, vendendo mais e ampliando seus resultados no fim do dia.

Ao mesmo tempo em que o nível de conhecimento das pessoas será muito mais alto, o valor para interagir com elas será bem menor. O Marketing se tornará, talvez, cada vez mais racional, onde o dono da festa não será mais o produto que uma companhia oferece, mas sim, quem é a pessoa que estará disposta a comprá-lo e como fazer para engajá-lo positivamente.

Algumas dicas de como a Internet das Coisas pode ajudar a sua empresa a criar oportunidades no Marketing e como aumentar vendas em tempos de crise

Por isso, veja algumas dicas que como você e a sua empresa podem tirar proveito da “onda” da Internet das Coisas, a fim de obter melhores resultados nos seus negócios:

  1. Comece a pensar em Internet das Coisas para a sua empresa já.
  2. Veja quais são os produtos e serviços que a sua empresa oferece e todos os públicos a que eles se destinam. Segmentação é essencial.
  3. Conheça as suas buyer personas e o tipo de perfil de cada uma delas.
  4. Reúna o máximo de informação sobre cada perfil de cliente, como hábitos, estilo de vida, preferências, canais mais acessados, etc.
  5. Planeje suas estratégias de Marketing de acordo com os perfis de consumidor estabelecidos.
  6. Pense em cada consumidor de forma individualizada.
  7. Utilize sempre os canais adequados para cada consumidor.
  8. Desenvolva uma linguagem adequada para cada canal e perfil de cliente.
  9. Ofereça produtos e serviços que vão ao encontro das necessidades de seus consumidores, com base nas informações coletadas.
  10. Analise os dados, comentários e outras formas de interação e veja novas formas de atuar positivamente. A IoT está aqui para isso!

 

Quer saber Como Aumentar Vendas em Tempos de Crise? Faça o download do nosso guia agora: 

Como aumentar vendas na crise

Você sabe como o alinhemento entre vendas e marketing pode ajudar sua empresa? Conheça o conceito de Smarketing neste post

 

Assuntos: Inbound Marketing, aumentar vendas